Publicando cerca de 30 artigos anualmente, distribuídos em 03 números, e sendo de caráter internacional, a Revista de Ciências da Educação tem edição em formato digital, através do Open Journal System (Public Knowledge Project), marcando o compromisso editorial com uma política de acesso livre à informação.

Recebem-se trabalhos que sejam originais e resultados de pesquisas, nos idiomas português, espanhol, inglês e italiano, que cumpram com os procedimentos éticos cabíveis, e que estejam adequados às condições de publicação, linha editorial e demais normas de publicação, descritas nas orientações para os autores. A revista consta nas seguintes bases, diretórios e portais indexadores nacionais: EDUBASE, Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), Sumários de Revistas Brasileiras (SRB), Diadorim, Periódicos CAPES, LivRe! e IbictOasisbr.

E nas seguintes bases, diretórios e portais indexadores internacionais: Index Copernicus,Journals4free, citefactor, Public Knowledge Project, Bielefeld Academic Search Engine (BASE), Google Acadêmico, Scirus/Elsevier, New Jour/Georgetown University, Sherpa-Romeo, ROAD, Ulrich's, EZB, LATINDEX, Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Cientifico (REDIB), IRISIE/Universidad Autónoma de México e DOAJ.

 

Desde o número 33 (dezembro de 2015) o periódico faz uso do iThenticate/Crosscheck para a verificação da originalidade dos manuscritos e também passou a atribuir o DOI/Crossref aos artigos publicados. Houve a adesão a uma licença Creative Commons 4.0, que permite o livre uso do material publicado, para uso não comercial e sempre que respeitada a propriedade intelectual. Ainda, passamos a publicar, em nossa seção de Política editorial, o Relatório da Comissão de Integridade de Pesquisa do CNPq (2011), reafirmando nossa posição de apoio às boas condutas da pesquisa e da sua divulgação.

De acordo com a última classificação do Webqualis este peródico é considerado B3 em Educação, B2 na área interdisciplinar e B1 em Ensino.

Contando com um conselho editorial formado por pesquisadores e acadêmicos de renome, pertencentes a instituições públicas e confessionais, que representam diversas regiões do Brasil, bem como da América do Norte, América Latina e Europa, a Revista de Ciências da Educação tem seções de artigos de demanda contínua, nacional e internacional, dossiês, traduções, resenhas, conferências e relatos de experiência. 

Todos os trabalhos recebidos, são submetidos a um processo de avaliação anônima, por pareceristas ad hoc, convidados voluntários dentre pesquisadores de relevância, nacional e internacional, na Linha Editorial da Revista. Se os pareceres forem divergentes, um terceiro parecerista será convidado a avaliar o texto. O processo de avaliação consiste de uma verificação prévia (desk review) dos manuscritos, feita pelo editor-em-chefe, e, se considerados adequados à linha editorial do periódico e em conformidade com o exposto nas diretrizes para autores, são enviados aos avaliadores, em caráter de anonimato (double blind review).

A Revista de Ciências da Educação se constitui como um dos únicos veículos de publicação dentro da sua Linha Editorial – Educação Sociocomunitária, Educação Não Formal, e Educação Salesiana. O trabalho de editoração é apoiado por uma equipe editorial consultiva, constituída pelos professores do Programa de Mestrado em Educação do Unisal, e por assessoria de profissionais da área técnica.

Revista de Ciências da Educação, Americana, SP, Brasil

ISSN 2317-6091

DOI 1019091

Licença Creative Commons  
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.