Caracterização de espumas plásticas e cortiça para aplicação em um sistema de segurança acoplado ao parachoque frontal veicular

  • Marcio Lucas Ignácio Costa
  • Elisabete Maria Saraiva Sanchez UNISAL - Unidade Campinas - Campus São José
  • Caio Glauco Sanchez Faculdade de Engenharia Mecânica, UNICAMP

Resumo

O parachoque frontal veicular é uma estrutura que tem como finalidade principal absorver a energia gerada em impactos à baixa velocidade. Atualmente, em função da norma europeia (CE) Nº. 78/2009 (2009), um sistema de segurança foi adicionado à esta estrutura, atuando na proteção dos usuários vulneráveis da estrada. Este sistema é composto por uma barra de material específico situado entre a viga do parachoque e a carenagem, cuja função é absorver o máximo possível de energia derivada do impacto. Este estudo tem como objetivo analisar o comportamento de diferentes materiais como EPP (Polipropileno Expandido), EPDM (Etilenopropileno-Dieno), EVA (Etileno Acetato de Vinila) e cortiça, através de ensaios físicos. Os mesmos serão baseados em eventos nos quais o produto será solicitado, como impacto, compressão, absorção de água, exposição a altas temperaturas e intempéries.
Publicado
23/06/2017
Como Citar
COSTA, Marcio Lucas Ignácio; SANCHEZ, Elisabete Maria Saraiva; SANCHEZ, Caio Glauco. Caracterização de espumas plásticas e cortiça para aplicação em um sistema de segurança acoplado ao parachoque frontal veicular. Revista Ciência e Tecnologia, [S.l.], v. 20, n. 36, jun. 2017. ISSN 2236-6733. Disponível em: <http://www.revista.unisal.br/sj/index.php/123/article/view/614>. Acesso em: 22 out. 2020.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Caracterização; segurança; espumas plásticas; cortiça